Você está em Material de apoio

Discurso direto e indireto

Discorso diretto e indiretto

Para relatar os pensamentos e palavras de alguém usamos o discurso direto, assim chamado porque remete diretamente a palavras pronunciadas. No discurso indireto, ao contrário, as mesmas palavras foram pronunciadas por meio de uma oração subordinada dependente de verbos como dizer, relatar, exclamar etc.

Discoro diretto:

Marta dice a Fatima: "sei molto simpatica" (Marta diz a Fátima: "você é muito simpática");
Mia madre mi chiede sempre: "stai bene?" (Minha mãe sempre me pergunta: "você está bem?")

Discorso indireto:

Marta dice a Fatima che è molto simpatica; (Marta diz a Fátima que é muito simpática);
Mia madre mi chiede sempre se sto bene. (Minha mãe me pergunta sempre se estou bem.)

Como se vê nos exemplos, no primeiro caso são relatadas entre aspas as palavras exatas pronunciadas (ou pensadas). No segundo caso, a frase é transformada em uma subordinada regida pelo verbo dizer ou por um outro verbo declarativo ou interrogativo (pensar, perguntar, pedir, responder etc.).

Se a frase é afirmativa no discurso indireto, se transforma em objetiva; se é interrogativa, se transforma em uma interrogativa indireta.

Objetiva introduzida por que

Marco dice: "vado a scuola a piedi" (Marco diz:"vou à escola a pé")
-> Marco dice che va a scuola a piedi (Marco disse que vai à escola a pé.)

Interrogativa indireta introduzida por se

Fátima mi chiede sempre: "Marco è un bravo ragazzo?" (Fátima me pergunta sempre: "Marco é um bom garoto")- > Fatima mi chiede sempre se Marco è un bravo ragazzo (Fátima me pergunta sempre se Marco é um bom rapaz.).

Discurso direto - > Discurso indireto

Na passagem do discurso direto ao discurso indireto são necessários algumas mudanças:

  • Desaparecem os dois pontos e as aspas;
  • quando o verbo da regente está no presente ou no futuro não se tem nenhuma mudança nos tempos passando do discurso direto ao discurso indireto:

Marta dice: "me ne vado" (Marta diz:"eu vou embora") -> Marta dice che se va; (Marta diz que vai embora)

Marta dice: "me ne andai" (Marta diz:"eu vou embora") -> Marta dice che se ne andò; (Marta disse que foi embora)

Marta dice: "me ne andrò" (Marta diz:"eu vou embora") -> Marta dice che se ne andrà; (Marta diz que irá embora.)

Marta dirà: "me ne vado" (Marta dirá:"eu vou embora") -> Marta dirà che se ne va. (Marta dirá que vai embora)

  • quando o verbo da principal está no passado, a transformação do discurso direto em discurso indireto envolve uma mudança no verbo da oração dependente:

1. se o verbo da dependente está no presente -> o presente se transforma em imperfeito:

Luca disse (disse) (verbo da principal no passado): "tenho fome" (verbo da dependente no presente) ->Luca disse che aveva fame (Paolo disse que tinha fome.)

2. se o verbo da secundária está no futuro -> o futuro se transforma em condizionale passato:

Luca disse: "tra una settimana partirò" ("Luca disse: dentro de uma semana partirei")-> Luca disse che tra una settimana sarebbe partito (Lucas disse que dentro de uma semana partiria.).

3. se o verbo da secundária está no passado -> o passado se torna trapassato:

Luca disse:" sono andato al cinema" (Luca disse: "fui ao cinema".)-> Luca disse que era andato al cinema. (Luca disse que tinha ido ao cinema.)

  • os pronomes pessoais e possessivos de primeira e segunda pessoa se tornam de terceira pessoa;
  • as formas verbais de primeira e segunda pessoa se tornam de terceira pessoa:

Laura dice a Marta: "io vorrei una giacca come la tua" (Laura diz a Marta: "eu queria uma jaqueta como a sua")-> Laura dice a Marta che lei vorebbe una giacca come la sua. (Laura diz a Marta que ela queria uma jaqueta como a sua.)

Outras mudanças podem ser necessárias nos demonstrativvos e em outras expressões que situam as frases no espaço e no tempo, por exemplo:

questo se torna-> quello;

qui se torna-> lì;

ora se torna -> allora;

oggi se torna -> quel giorno;

ieri se torna -> il giorno prima;

domani se torna -> il giorno dopo.

Laura dice: "domani voglio leggere questo libro" (Laura diz: "Amanhã quero ler este livro")-> Laura disse che il giorno dopo voleva leggere quel libro. (Laura disse que no próximo dia queria ler aquele livro).

A transformação dos indicadores temporais (ora, oggi, ieri etc.) (agora, hoje, ontem etc) não é necessária quando a frase está no presente:

Laura dice"ora voglio leggere il libro" (Laura diz:"agora quero ler o livro")-> Laura dice che ora vuole leggere quel libro. (Laura diz que agora quer ler aquele livro.)

Como referenciar: "Discurso direto e indireto" em Só Italiano. Virtuous Tecnologia da Informação, 2011-2019. Consultado em 26/06/2019 às 01:57. Disponível na Internet em http://www.soitaliano.com.br/conteudo/Discursodireto.php